A IDADE

Quando você encontrar alguém da sua época e achá-lo muito velho e acabado,
é bom correr pro espelho e fazer uma bela autocrítica.

A idade passa para todos.

Eu estava sentada na sala de espera, para a minha primeira consulta com
um novo dentista, quando observei que o seu diploma estava pendurado na parede.

Ao ler o nome, de repente, eu me recordei de um moreno alto, que tinha esse mesmo
nome.
Era da minha classe do colegial, uns 40 anos atrás, e eu me perguntava se
poderia ser o mesmo rapaz por quem eu tinha me apaixonado à época?

Quando entrei no consultório, imediatamente afastei esse pensamento do meu espírito.
Este homem grisalho, quase calvo, e o rosto marcado, profundamente enrugado,
era demasiadamente velho para ter sido o meu amor secreto...
Quê que é isso?


Depois que ele examinou minha boca, perguntei-lhe se ele na infância tinha
estudado no Colégio das Freiras, hoje, Colégio São José em Rio Branco-Ac..

- Sim, respondeu-me..

- Quando se formou?

- 1966. Mas, porquê a pergunta?

- Eh..... bem... você era da minha classe.

Aí, então aquele velho horrível, anormal, cretino, tremendo filho de uma p...,
me perguntou:

- A Sra. era minha professora de quê?????

2 comentários:

jéssicamaria ;* disse...

Hahahaha, olha, nem tudo é o que se passa na nossa cabeça.
Nem todo mundo vê o mundo com nossos olhos!

Paulo disse...

Renato... Qndo tu for postar uma coisa q NAUM aconteceu contigo, pelo menos bota como piada ou bota q eh historia de outra pessoa neh? Pq NA MINHA CBÇ pega meio mal sabe? Um cara de 19 anos de idade hetero q tem namorada, postando em seu blog: "e eu me perguntava se poderia ser o mesmo rapaz por quem eu tinha me apaixonado à época?".... Mas eh soh uma sugestão... Ou não neh? Vai q isso aconteceu contigo msm... Vai entender...

Postar um comentário